Você sabia que o melhor arremessador da NBA tem ceratocone?

Luana Rodrigues

Os problemas visuais são frequentes em pessoas de todas as idades e etnias, com diferentes hábitos e profissões. Muitas vezes, os cuidados com a visão ficam em segundo plano e só ganham atenção quando prejudicam a nossa qualidade de vida, prejudicam atividades do nosso dia a dia e limitam a nossa liberdade.

Seja para dirigir, praticar esportes, ler um livro, estudar ou, até mesmo, no trabalho, na maioria das atividades diárias, a visão é sua grande aliada. Agora,  imagine se você fosse um jogador de um dos maiores times de basquete? Acha que seria possível ter um ótimo desempenho sem ter uma ótima visão?

Considerado um dos maiores jogadores e arremessadores da história da NBA (liga norte americana de basquete), Stephen Curry, tem um problema visual que embaça e distorce as imagens daquilo que se vê, chamado ceratocone.  

O problema, atinge cerca de 5, em cada mil pessoas no mundo e,  geralmente, surge na adolescência, progredindo lentamente nos anos seguintes. Ou seja, Curry pode ter enxergado com dificuldade a vida inteira e só descobriu aos 31 anos de idade, já que os sintomas vão se agravando com o passar dos anos.

 “O ceratocone é uma doença degenerativa, que impacta diretamente na curvatura da córnea. Essa é a camada que protege o globo ocular. A região central da córnea vai ficando mais fina e enfraquecida, o que permite o desenvolvimento do formato de cone, fazendo com que você enxergue de forma distorcida” explica.

O ceratocone não tem cura, mas tem tratamento. As opções variam de acordo com os estágios da doença e a situação de cada paciente, entre elas o uso de lentes de contato.  Para quem não tem boa visão com os óculos, nenhuma ou pouca tolerância às lentes de contato, o ceratocone também pode ser tratado com a implantação de um anel intracorneano (Anel de Ferrara) no interior do tecido da córnea. A cirurgia é pouco invasiva e apresenta baixo índice de rejeição.

O armador do Golden State Warriors revelou que estava utilizando lentes de contato para corrigir o problema. Em entrevista para o The Athletic, ele compartilhou as mudanças após o uso das lentes.

Eu comecei a usar lentes de contato. É sério, é como se o mundo inteiro estivesse se abrindo”, disse o armador dos Warriors, Stephen Curry

Os fãs de basquetes e do astro podem ficar despreocupados. Se antes o jogador já era dono de um dos melhores aproveitamentos da história da NBA nas bolas de três pontos, imagina o que ele será capaz de fazer com a visão corrigida.

Lembre-se, ao menor sinal de desconforto, dificuldade de enxergar, visão embaçada ou distorcida, procure um oftalmologista.

Saiba também como o seu corpo, e principalmente os seus olhos, reagem quando são expostos à desafios da gravidade, em atividades como ioga ou praticando esportes radicais.

 

*IMAGEM: Reprodução internet